Crepaldi/Crepaldi | Contabilidade Gerencial: Teoria e Prática
9788522490349

Silvio Aparecido Crepaldi e Guilherme Simões Crepaldi

Editora Atlas
ISBN: 9788522490349
 

Material disponível
  • Material suplementar para professores | Download

O que você vai encontrar em Crepaldi/Crepaldi | Contabilidade Gerencial: Teoria e Prática

 

Esta obra apresenta os fundamentos teóricos e as bases operacionais da Contabilidade Gerencial, tanto para o ensino como para a prática empresarial. Para melhor compreensão dos textos, alguns tópicos foram ilustrados com ferramentas ao final dos capítulos, como questões objetivas, exercícios de fixação, gabarito e caso prático.

Mostra que as empresas estão em constantes mudanças, e cada vez mais necessitam de controles precisos e de informações oportunas sobre seu negócio para adequar as suas operações às novas situações.

O texto evidencia que a importância do Controle Interno está relacionada com a necessidade de normatização de controles que possam garantir o fluxo das operações e informações.

Demonstra também que o Sistema de Custeio Baseado em Atividades surge para reduzir as distorções causadas pela arbitrariedade do rateio dos custos indiretos de fabricação.

Entre outros conceitos, o livro analisa e justifica que:

- Custeio RKW é a junção de todos os tipos de custos, despesas aos produtos a serem vendidos pela empresa, onde se define um número agregado médio para as unidades, minimizando os gastos totais da empresa, auxiliando a gerenciar os números.

- Custo Padrão, empresarialmente falando, fornece melhores gráficos/apresentações na avaliação da produção e estoque, muito utilizados para estabelecer a meta para produção de seus produtos, tanto como padrão, corrente e estimado para determinado projeto.

- Target costing – custo alvo ou custo meta ou custo a se atingir – é muito usado para metas de crescimento de mercado, pois se estuda todo o ciclo para se atingir um preço chegando ao cliente, tudo através das especificações.

- Kaizen é o conjunto mais comum e usado pelas empresas, pois foca a busca da melhoria contínua aliada à redução dos custos em todo o processo de fabricação do produto, buscando menor distância entre custos, lucros desejados, lucros estimados.

Justifica uma ferramenta que promete avaliar a relação de causa e efeito entre os indicadores quantitativos e qualitativos, dividindo-os em quatro perspectivas básicas: financeira, do cliente, de processos, e de aprendizado e crescimento. Esta ferramenta é o Balanced Scorecard, hoje conhecido simplesmente como BSC.

Livro-texto para a disciplina Contabilidade Gerencial dos cursos de Ciências Contábeis, Administração de Empresas, Economia, Análise de Sistemas de Informação, Ciência da Computação e Administração da Produção. Livro de consulta para contadores, administradores, economistas, analistas de sistemas e engenheiros de produção, bem como para empresários e, principalmente, para os executivos, gerentes e empreendedores envolvidos no processo de decisão empresarial que exige otimização de custos de produção.